AREA armazena mais de 9.173 toneladas de resíduos radioactivos no país – Saiba quais são os perigos
AREA armazena mais de 9.173 toneladas de resíduos radioactivos no país - Saiba quais são os perigos
lixo radioativo

O secretário de Estado para as Águas, Manuel Quintino, revelou esta segunda-feira, 17, em Luanda, que a Agência Reguladora de Energia Atómica de Angola (AREA) armazenou em repositórios provisórios mais de 9.173 toneladas de resíduos de materiais radioactivos de ocorrência natural proveniente das indústrias extractivas, sem no entanto especificar o local e os perigos que estes produtos representam no seio da população e do meio ambiente.

Manuel Quintino – que prestou a informação na abertura da reunião técnica de conclusão do Plano Integrado de Apoio à Segurança Nuclear (INSSP) -, revelou igualmente que AREA identificou cerca de 1.444 fontes de energia nuclear de categoria 2, 3, 4 e 5 no país.

“Vamos identificar e priorizar as necessidades de segurança nuclear a serem abordadas no país, bem como a reflexão sobre o plano de execução eficaz e eficiente, para os próximos três a quatro anos, com base nas prioridades identificadas”, adiantou.

Segundo o mesmo, muitas destas energias estão a ser utilizadas no ramo da saúde, agricultura, indústria extractiva e petrolífera.

Quanto aos resíduos de materiais radioactivo, o secretário de Estado para as Águas avançou que é preocupação do governo a criação de um sistema nacional apropriado e eficaz de protecção e segurança nuclear, promovendo o uso pacífico da energia nuclear, bem como o combate ao terrorismo nuclear.

Deste modo, sublinhou Manuel Quintino, estão em curso acções que prevêem esforços para que, quanto antes, se possa concluir os processos para aprovação e adesão de outros instrumentos, nomeadamente a Convenção Conjunta sobre Segurança e Gestão de Combustível usado e radioactivos, a Convenção Internacional para a Supressão de Actos de Terrorismo Nuclear e a Convenção de Viena sobre Responsabilidade Civil por Danos Nucleares.

A reunião está a ser dirigida a todas as partes relevantes interessadas, com funções e responsabilidades actuais ou futuras, para a segurança física nuclear em Angola, tais como: entidade regulatória, Polícia Aduaneira e de Fronteiras, Polícia Nacional, Serviço de Informação e Segurança, agências de resposta, ministérios da Saúde, da Justiça, da Defesa Nacional, das Relações Exteriores e demais organismos.

A energia nuclear, chamada também de energia atómica, é um tipo de energia produzida por meio de reacções que acontecem no núcleo dos átomos de elementos pesados e alteram a sua estrutura.

O elemento pesado usado mais comumente é o urânio. Esse processo libera uma enorme quantidade de energia, a qual apresenta diversas aplicações, sendo uma delas a geração de eletricidade.

O Imparcial Press apresenta alguns dados menos importante sobre resíduos de materiais radioactivo.

Quais são resíduos radioactivos?

Lixos radioactivos de alta periculosidade, como césio, estrôncio, iodo, criptônio e plutônio, são criados no reator nuclear e logo após descartados, ou melhor, armazenados.

O que é considerado lixo radioactivo?

O lixo nuclear, lixo radioactivo ou lixo atómico é aquele produzido sobretudo pelas usinas nucleares. Elas produzem energia elétrica através de materiais radioativos, sendo que o principal elemento é o urânio.

Quais os impactos do lixo radioactivo para o meio ambiente?

A grande produção de lixo radioactivo tem sido um problema ambiental para todo o mundo, devido às escassas e inadequadas condições de descarte e armazenamento. Esses rejeitos estão associados à contaminação do solo, dos cursos de água e do ar, resultando na destruição do meio ambiente de forma gradual.

Quais são as principais doenças causadas pela radiação?

A radioactividade entra no corpo através da inalação ou é absorvida através da pele. Câncer de tireoide, tumores, leucemia aguda, doenças oculares, distúrbios psicológicos e até mesmo danos à composição genética são apenas algumas das piores consequências à saúde que a alta exposição à radiação pode causar em humanos.

Como a radiação é transmitida?

Os materiais radioactivos liberam uma forma de energia que viaja em ondas ou partículas. Uma pessoa exposta à radiação não é necessariamente contaminada pelo material radioactivo. Para que uma pessoa seja contaminada, o material radioativo deve entrar em contato com ou penetrar o corpo.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido