Augusto Tomás volta à ribalta seis anos depois
Augusto Tomás volta à ribalta seis anos depois
A. Tomas

O antigo ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, terá recentemente aceite um convite formulado para voltar a leccionar na Universidade Agostinho Neto (UAN), em Luanda, segundo o Club-K.

O convite surge mais de dois meses depois do Tribunal Supremo decretar a liberdade definitiva ao antigo ministro na sequência do cumprimento de seis dos sete anos de prisão, de que foi condenado pelos crimes de peculato, violação das normas de execução do plano e orçamento, no caso do Conselho Nacional de Carregadores (CNC).

Augusto Tomás foi detido em 2018 e condenado pelo Tribunal Supremo em Agosto de 2019, inicialmente a 14 anos de prisão maior, em primeira instância, mas viu a sua pena reduzida a sete anos, após recurso da defesa.

O ex-ministro estava em liberdade condicional, desde Abril de 2022, depois de requerer, ao Tribunal Supremo, a soltura por razões de saúde.

Graduado em Economia pela UAN, Tomás possui um extenso histórico académico, incluindo um mestrado em Finanças. Durante a sua estadia na cadeia, o mesmo se dedicou à investigação académica, preparando a sua tese de doutoramento.

Antes de ingressar activamente na vida política, Augusto Tomás já havia exercido o papel de professor de Economia na UAN. A sua vasta experiência no sector público incluiu cargos de destaque, como de ministro das Finanças, Secretário de Estado para o Sector Produtivo e, posteriormente, ministro dos Transportes.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido