CAN’2023: Chuva de prémios para a Selecção Nacional
CAN'2023: Chuva de prémios para a Selecção Nacional
sel angola

A passagem da Selecção Nacional para os quartos-de-final do Campeonato Africano das Nações (CAN) que decorre na Côte d’Ivoire, aumentou a “chuva” de prémios para os atletas e a equipa técnica.

Por conta disto, a vitória frente a Namíbia fez que com mais empresas do sector privado entrassem na corrida. O Banco Angolano de Investimentos (BAI), pela passagem para os quartosde-finais, após Angola vergar a Namíbia por 3-0, atribuiu a cada jogador e a equipa técnica cinco milhões de kwanzas.

A UNITEL, operadora de telefonia móvel, na voz do seu PCA, Aguinaldo Jaime, falou com o atleta Gilberto e Mabululu, assegurou que cada jogador e membros da equipa técnica, pelo que estão a fazer no CAN, vão receber um Iphone 15 e um ano de chamadas grátis na mesma operadora.

A Sociedade de Diamantes de Angola (SODIAM) vai atribuir 250 mil dólares norte-americanos para os atletas e a equipa técnica da Selecção Nacional.

Para o Banco Keve, caso os Palancas Negras se qualifiquem para as meias-finais do CAN que decorre em solo ivoirense, vai atribuir oito milhões de kwanzas a cada jogador e respectivamente à equipa técnica liderada por Pedro Gonçalves.

Em termos oficiais, Angola já obteve 800 mil dólares americanos do apuramento aos oitavos-de-final por parte da Confederação Africana de Futebol (CAF). O campeão da prova continental terá direito a sete milhões de dólares, o vice-campeão cinco milhões, enquanto os quatro semifinalistas terão cada 2,5 milhões.

Por outro lado, a qualificação da Selecção Nacional de honras para os quartos-de-final no CAN, rendeu aos Palancas Negras mais um prémio, após a vitória por três bolas sem resposta, sobre a Namíbia, sábado último.

Cada integrante do combinado angolano vai receber um conjunto de três filtros para purificação de água, avaliado em 564 mil kwanzas, com direito a assistência técnica.

Este é mais um dos prémios que os pupilos de Pedro Gonçalves recebem como incentivo extra pela “brilhante prestação” no CAN da Côte d’Ivoire, e podem carimbar a passagem para a meia-final, caso ultrapassem a Nigéria, na próxima sexta-feira, a partir das 18h00.

Prémios extras funcionam como um incentivo adicional para os jogadores, motivando-os a dar o seu melhor em cada jogo e com os nossos jogadores não foi diferente.

A perspectiva de ganhar algo extra pode ter aumentado o empenho e a dedicação individual rumo à tão almejada presença inédita na meia-final.

Espera-se que outras empresas sigam o mesmo exemplo, pois nos últimos dias ficou evidente que os adeptos angolanos fizeram as pazes com a Selecção Nacional, depois de exibições menos conseguidas nas últimas presenças do país na maior cimeira do futebol continental.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido