Escritor angolano conquista prémio literário FOX USA 2024
Escritor angolano conquista prémio literário FOX USA 2024
Nituecheni

O escritor angolano Nituecheni Africano conquistou a 25ª edição do prémio literário FOX USA 2024, nos Estados Unidos da América, com a obra “O Recluso – O Princípio e o Fim de uma Injustiça”.

Os resultados do concurso internacional, com dois escritores africanos, sendo um angolano e outro nigeriano, foram divulgados no último domingo (2 de Junho), onde Nituecheni Africano superou o seu concorrente directo, com mais de cinco mil votos.

Assim, com o prémio de melhor autor do ano e do livro de Romance Policial, o angolano vai receber 16 mil dólares, para além da publicação e da distribuição de 200 exemplares da sua obra pela sede da Fox Corporation, adaptados pela SECRET FILMS, da Califórnia, Estados Unidos da América.

A entrega oficial do título ao primeiro angolano a conquistar este reconhecido prémio está marcada para 12 de Agosto próximo, em Midtown Manhattan, nos Estados Unidos.

Em declarações, esta terça-feira, à Angop, Nituecheni Africano, pseudónimo literário de Eugénio Afonso Gaspar, disse não ter sido fácil conquistar o prémio, pois já havia concorrido nas edições anteriores, porém, nunca foi aceite devido alguns critérios da organização.

Para tal, informou que assinou, este ano, com a editora brasileira Roco, que, por sua vez, traduziu o livro “O Recluso: O Princípio e o Fim de uma Injustiça” na versão inglesa, o que foi aceite pela FOX, tendo culminado com a vitória do prémio, no último domingo, com mais de cinco mil votos.

Disse tratar-se de um prémio renhido, que conquistou graças à sua determinação e persistência, que contou com os votos dos angolanos e da comunidade lusófona, desde familiares, escritores e amigos.

O livro “O recluso – o princípio e o fim de uma injustiça”, com 150 páginas, subdividido em 12 capítulos, foi lançado em Julho de 2023, em Portugal, na sede da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e da Casa de Cultura de Angola em Lisboa.

A obra literária conta a história de um jovem advogado, que se depara com um caso de grande repercussão em Angola, onde a justiça parece obscurecer a verdade.

Segundo o enredo, ao demonstrar coragem e sagacidade durante o julgamento, o protagonista destaca-se como defensor dos direitos humanos, enfrentando temas de abuso de poder, tráfico de influência e branqueamento de capitais, que reflectem a realidade africana contemporânea.

O prémio literário “FOX US2024” é uma iniciativa da companhia norte-americana de cinematografia FOX, realizada anualmente na cidade de Nova Iorque, que visa distinguir obras do género romance, com a participação de mais de 100 escritores do mundo.

Percurso

Licenciado em Ciências da Computação e Administração de Empresas pela Universidade Técnica de Angola (UTANGA), Nituecheni Africanno nasceu na província do Huambo, a 12 de Setembro de 1990.

O escritor é um dos três angolanos que consta na lista das 50 figuras culturais mais proeminentes do continente africano, distinguidos pela revista francesa “Le Point” referente ao ano de 2023.

O autor conta com quatro obras literárias publicadas, nomeadamente “O prisioneiro do amor” e “O vencedor de pães nas mãos”, ambas em 2020, para além de “O emigrante da Web e suas tolices” (2022) e “O recluso: O Princípio e o Fim de uma Injustiça” (2023).

O seu percurso está marcado com cinco prémios literários internacionais, com destaque para o melhor romance na II e IV edições da WBR da América Latina, assim como de “Referencia Literária”, no Rio de Janeiro (Brasil), em 2023, com a obra ““O emigrante da Web e suas tolices”.

in Angop

Siga-nos

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido