Estudante suicida-se com tiro na cabeça na centralidade da Quilemba
Estudante suicida-se com tiro na cabeça na centralidade da Quilemba
suici

Lázaro Brandão Tchingui Sabino, um jovem estudante, de 22 anos, suicidou-se, na quarta-feira, 10, em plena via pública, na centralidade da Quilemba, no Lubango (Huíla), com um disparo de arma de fogo na cabeça.

As testemunhas alegam que a causa do suicídio terá sido uma alegada traição, mas a polícia não confirma e diz que vai investigar. O malogrado residia na comuna da Arimba.

Num vídeo que circula nas redes sociais, que narra os momentos a seguir a acção, mostra o jovem ensanguentado, mas ainda demonstrando sinais vitais, tendo sido acudido pelo INEMA, mas sucumbiu a caminho do hospital.

O porta-voz em exercício da Polícia Nacional na Huíla, 3º subchefe Marcelino Arsénio, fez saber que o caso ocorreu por volta das 10 horas e 40 minutos, na via pública, mais precisamente no bloco X da centralidade, tendo sido encontrada, no local, uma arma fogo, do tipo pistola, modelo Star, OH477, já em posse da Polícia.

Segundo a fonte, citando depoimentos de testemunhas, a vítima encontrava-se na centralidade em visita à sua namorada, de nome Juliana, de 19 anos, a quem terá pedido para comprar sorvete, mas de regresso, a 50 metros do jovem, avistou-o sentado com a arma apontada à cabeça e efectuou um disparo, causando ferimentos fatais.

Ressaltou que, ainda com vida, foi socorrido por algumas moradoras, enfermeiras, do referido bloco, uma vez que o mesmo ainda apresentava sinais vitais e, posteriormente, levado ao Hospital Central do Lubango por uma equipa do Instituto Nacional de Emergências Médicas de Angola (INEMA), mas não resistiu.

Fez saber que a vítima não pertence as Forças Armadas, como se aventou nas redes sociais, mas investigações continuam para apurar onde o mesmo terá conseguido a arma e as razões reais do suicídio.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido