Idoso irritado com atraso do jantar queima braços do neto de 4 meses
Idoso irritado com atraso do jantar queima braços do neto de 4 meses
detido com agelmas

A Polícia Nacional no município do Nóqui, província do Zaire, deteve ontem, quinta-feira, um cidadão de 60 anos, por ter queimado acidentalmente com água quente os membros superiores e inferiores do seu neto de quatro meses.

O facto ocorreu no interior de uma residência na aldeia do Kivola, quando o ancião, irritado com atraso do jantar, entendeu pontapear a panela de água de funge que estava no fogo e, inesperadamente, atingiu a criança que se encontrava a dormir, causando-lhe queimaduras de segundo grau.

O porta-voz do Comando Provincial do Zaire da Polícia Nacional, intendente Luís Bernardo, disse em declarações hoje, sexta-feira, à imprensa que, a criança foi transportada para o Hospital Municipal do Nóqui e está fora de perigo.

Informou que o acusado incorre no crime de violência doméstica e o seu processo será, em breve, encaminhado ao Ministério Público.

O município fronteiriço do Nóqui dista a 165 km da cidade de Mbanza Kongo, capital da província do Zaire.

Por outro, a Polícia Nacional deteve quinta-feira, no bairro Paróquia, periferia da cidade do Soyo, um cidadão de 32 anos de idade, por posse ilegal de uma arma de fogo do tipo AKM.

O acusado foi detido na sequência de uma denúncia pública, tendo a polícia recuperado também um carregador que tinha três munições.

Siga-nos
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
error: Conteúdo protegido