Joel Leonardo já roubou quase mil milhões de kwanzas dos cofres do Tribunal Supremo
Joel Leonardo já roubou quase mil milhões de kwanzas dos cofres do Tribunal Supremo
Joel

O relatório mais recente da Procuradoria Geral da República (PGR) enviado ao Presidente da República, João Lourenço, revela que o juiz conselheiro presidente do Tribunal Supremo, Joel Leonardo, até nesse período, furtou mais de 975 milhões de kwanzas dos cofres daquele órgão judicial.

Segundo as informações, a PGR enviou no último mês de Junho um novo relatório ao Presidente da República, revelando que os valores desviados por Joel Leonardo, desde que assumiu o controlo desta corte suprema, teriam chegado quase mil milhões de kwanzas.

Desses valores, o juiz presidente do Tribunal Supremo transferiu indevidamente 376 milhões de kwanzas para a empresa de limpeza “MAIVA – Gestão e Investimentos, Lda.”, pertencente a Ana Domingos Gamboa, irmã da esposa oficial de Joel Leonardo.

A MAIVA – Gestão e Investimentos foi registrada em 6 de Março de 2015, em nome de Victor Domingos Malutidi e Valdano Humberto de Jesus Canjinji. O sócio formal Valdano Canjinji é filho de Nelson Canjinji e de Ana Domingas Gamboa, irmã de Isabel Domingos Gamboa, esposa de Joel Leonardo.

Quando assumiu à Presidência da República, João Lourenço declarou uma “guerra” aberta contra a corrupção fomentada pelos dirigentes do seu partido MPLA e do Executivo.

Hoje, passados mais de seis anos, nem água vem nem água vai. Ou seja, a bandeira da luta contra a corrupção foi roubada, rasgada e queimada em backstage, pelos próprios corruptos.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido