José Martins desrespeita Decreto Presidencial
José Martins desrespeita Decreto Presidencial
Jose Martins1

A recente descoberta feita pelo ministro da Agricultura e Floresta no Cuando Cubango sobre o abate ilegal de madeira Mussivi, proibida por Decreto Presidencial, é um testemunho alarmante da falta de integridade e comprometimento por parte do governo liderado por José Martins.

Como é possível que, em pleno século XXI, ainda se depare com situações de flagrante desrespeito às leis e à preservação ambiental?

José Martins, um governador jovem e arrogante, demonstra uma atitude de desprezo pelas leis do país e pelo Presidente da República ao permitir a continuação desse abate ilegal.

Sua alegada associação com figuras influentes do governo, como o Presidente da República e o director do gabinete presidencial, levanta sérias dúvidas sobre sua idoneidade e compromisso com o bem-estar do país e de seu povo.

O abate de madeira Mussivi, uma espécie em estado de extinção, é um crime ambiental que não pode ser tolerado sob qualquer circunstância. É inadmissível que, em prol de interesses económicos e pessoais, o governador José Martins permita a destruição desenfreada do nosso património natural.

Acções como estas revelam uma conveniência descarada por parte do governador do Cuando Cubango, que parece estar mais interessado nos lucros provenientes do comércio ilegal de madeira do que na protecção do meio ambiente e na aplicação da lei.

É urgente que as autoridades competentes intervenham de forma enérgica e eficaz para pôr fim a essas práticas criminosas e responsabilizar os culpados. O futuro de nosso país e de nosso planeta depende da preservação de nossas florestas e recursos naturais, e é dever de todos nós protegê-los para as gerações futuras.

É tempo de exigirmos responsabilidade e transparência de nossos governantes, e de nos unirmos em defesa do meio ambiente e do cumprimento das leis.

Por: Nsolé Pedro

Siga-nos

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido