Pensionistas excluídos da folha de pagamento ameaçam invadir a sede de Antigos Combatentes na Lunda-Sul
Pensionistas excluídos da folha de pagamento ameaçam invadir a sede de Antigos Combatentes na Lunda-Sul
antigos combatentes bie

O director do Gabinete Provincial dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria da Lunda-Sul, António Upite, revelou hoje, quinta-feira, 08, que os pensionistas retirados recentemente do sistema de remuneração, tentaram invadir ontem (quarta-feira), em Saurimo, as instalações daquela instituição, em gesto de protesto.

António Upite, que atribuiu o descontentamento a um alegado “sentimento de injustiça” dos envolvidos pela cessação do pagamento dos seus subsídios, accionou a Polícia Nacional para garantir a ordem e a tranquilidade públicas e salvaguardar a integridade física dos funcionários da instituição.

Recordou que, em Janeiro do ano em curso, o seu Gabinete removeu 10 mil e 346 pessoas do sistema de remuneração dos ACVP, por ausência ou “incompatibilidade” de requisitos.

A remoção resultou da conclusão do processo de recadastramento e prova de vida levado a cabo aos associados, em todo o país.

Antes do recadastramento, a província da Lunda-Sul controlava 13 mil e 825 associados, entre antigos combatentes, deficientes de guerra e familiares de combatentes tombados.

Com a prova de vida concluída, a província passou a ter como válidos apenas três mil 479 beneficiários da pensão, entre deficientes de guerra do primeiro, segundo e terceiro grau, órfãos e acompanhantes.

Siga-nos

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido