Polícia Nacional descarta atentado contra deputado da UNITA
Polícia Nacional descarta atentado contra deputado da UNITA
xavier calos

O Comando Provincial da Polícia Nacional de Malanje descartou hoje, terça-feira, 14, a tentativa de assassinato do deputado do círculo provincial da UNITA, Carlos Xavier Lucas, cuja viatura foi atingida na segunda-feira (13), por disparos de arma de fogo feitos alegadamente por um grupo de marginais que tinham como alvo um comerciante oeste africano.

O facto ocorreu à entrada do mercado informal da Xawande, quando a viatura de marca Toyota Hilux, em que seguiam o parlamentar, seu motorista e o escolta, foi acidentalmente atingida com dois disparos de arma de fogo, na sequência da perseguição do cidadão maliano que desenvolve actividade comercial naquele mercado.

De acordo com o director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação Provincial do Ministério do Interior, Junqueira António, ao aperceber-se da situação, o motorista do deputado manobrou a viatura e embateu num autocarro que seguia a mesma rota, tendo causado danos à chaparia. Todos os ocupantes da viatura parlamentar saíram ilesos, explicou o responsável.

Já o comerciante de nacionalidade maliana, que foi atingido na cabeça e no braço, encontra-se a receber cuidados médicos no Hospital Regional de Malanje.

Para além desta acção, Junqueira António deu a conhecer o assassinato à tiro, igualmente na segunda-feira, de dois cidadãos ao serviço do Banco Sol na província de Malanje, resultante de um assalto no mercado municipal da Catepa.

Trata-se de um motorista de 41 anos de idade e um segurança de empresa privada de 31, que se encontravam a efectuar recolha de valores resultantes das vendas nos armazéns de fresco do mercado, tendo sido surpreendidos por meliantes armados transportados numa motorizada, que efectuaram disparos à queima-roupa e levaram 24 milhões 814 mil de kwanzas.

Disse que a Polícia Nacional continua a fazer diligências para o esclarecimento total dos crimes e apelou à calma e serenidade dos cidadãos.

Entretanto, o secretário provincial da UNITA em Malanje e deputado à Assembleia Nacional, Mardanês Calunga, alegou em conferência de imprensa, que a acção de que foi alvo o seu colega Carlos Xavier foi premeditada.

Solicitou as autoridades competentes, no sentido de redobrarem os esforços e accionar os mecanismos que permitam devolver a segurança às autoridades e à população em geral.

in Angop

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido