SIC detém funcionário público que burlou 10 viaturas ao amigo
SIC detém funcionário público que burlou 10 viaturas ao amigo
bandirr

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) de Luanda deteve um cidadão nacional de 33 anos de idade, funcionário público, implicado no crime de abuso de confiança, pelo facto de se ter apossado indevidamente de dez viaturas de marca Suzuki, modelos Alto e S-Presso, propriedade do seu amigo, com o qual abriu uma sociedade

O jovem detido fez um acordo com o seu amigo Félix Escórcio de que colocariam as viaturas à disposição de uma empresa privada Yango, para prestação de serviço de táxi privado, cujo pagamento mensal rondava entre os Kz 10 000 000,00, o que nunca veio a se concretizar.

Pesa sobre si o crime de abuso de confiança, na medida em que o implicado se apossou indevidamente de dez viaturas de marca Suzuki, modelos Alto e S-Presso, propriedade do senhor Félix Escórcio, seu amigo.

De acordo com o porta-voz do SIC-Luanda, Fernando de Carvalho, o proprietário foi ao encontro do implicado no sentido de recuperar os meios; para a sua surpresa, foi informado de que as viaturas teriam sido roubadas, e que estariam naquele momento na província de Malanje.

Com o objectivo de ludibriar o amigo que depositou nele a sua confiança, o jovem detido fez-se passar de investigador criminal ligado ao SIC, avançando ao proprietário que já tinha uma equipa operativa devidamente tomada para rumar à província de Malanje para a sua recuperação, mas que, para o efeito, o lesado teria de desembolsar 600 mil kwanzas, para sustentar os custos operacionais.

Apesar do tempo, o velho amigo não hesitou em dar o dinheiro pela ânsia de reaver os seus meios, e para o seu espanto, desde a data que disponibilizou a verba, o implicado ficou incontactável.

Ao aperceber-se do facto, os operacionais do SIC-Talatona desdobraram-se em operações que culminaram com a detenção do implicado, bem como a recuperação de oito viaturas de Marca Suzuki sendo cinco do Modelo Alto e três do Modelo S-Presso, que já tinham sido comercializadas pelo infractor nos valores que rondaram os Kz 10 000 000,00, Kz 8 000 000,00 e Kz 5 000 000,00.

A fonte disse ainda que o SIC Talatona se desdobrou em operações que culminaram com a apreensão do implicado, que por sinal não é novo neste tipo de acto ilícito, uma vez que o também já se encontrava em crimes de burla, nas centralidades do Zango 0 e da Vila Pacífica.

Jovem de 25 anos assaltava carros com chave falsa

“Num outro caso, o SIC de Luanda, através da sua direcção municipal de Talatona, deteve três cidadãos nacionais, com idades compreendidas entre 25 e 54 anos implicados nos crimes de associação criminosa, abuso de confiança e roubo de viaturas”, disse o responsável.

O implicado, de 25 anos de idade, é acusado dos crimes de associação criminosa e furto qualificado de viaturas.

Era o protagonista das acções, que com uma chave falsa, sondava as viaturas e faziase passar por dono delas, forçando a abertura e furtava-as.

Assim sendo, as investigações delataram a sua implicância em vários crimes dessa natureza, com particular destaque aos furtos de uma viatura de marca Toyota Prado, de cor cinzenta, no interior do Belas Business Park, tendo abandonando-a, a posterior, em uma das ruas do Benfica.

“O mesmo indivíduo furtou mais três viaturas, de marca Toyota, sendo os modelos Corola, vendida a Kz 600 000,00, Rav 4, vermelha, vendida no valor de Kz 800 000,00, e um Rav 4 de cor cinzenta, vendida no valor de Kz 900 000”, assegurou.

Fernando de Carvalho disse que, durante a operação, foram apreendidas duas viaturas, Toyota Rav 4 de cor preta, e Toyota Prado cinzento, bem como alguns aparelhos reprodutores de som.

Quanto ao segundo implicado, um cidadão expatriado congolês, de 54 anos de idade, aparece em cena na condição de comércio ilícito de viaturas furtadas.

Todos os detidos foram apresentados ao Ministério Público, e ao juiz de garantias, que determinou a medida de coacção mais gravosa, que foi a prisão preventiva.

Fernando Carvalho finalizou dizendo que o SIC-Luanda redobrará as suas acções investigadas e encurtará as rédeas de quem enveredar por acções ilícitas e criminosas.

Siga-nos e deixa um:
fb-share-icon0
Tweet 5k
Pin Share20

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Facebook0
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM
error: Conteúdo protegido