José Eduardo dos Santos vítima do sistema que ele próprio criou – Alves Fernandes
José Eduardo dos Santos vítima do sistema que ele próprio criou - Alves Fernandes
JES3

Já lá vão dois anos desde que o antigo Presidente da República, José Eduardo dos Santos, faleceu no dia 8 de Julho de 2022, no exílio inesperado em Barcelona, Espanha, vítima de uma “doença prolongada”.

Não foi divulgado qualquer programa oficial do MPLA para assinalar mais um ano desde o falecimento daquele que foi o “líder incontestável” dos camaradas durante 38 anos, tendo-lhe sido concedido, no final do seu longo mandato, o título de Presidente Emérito do partido no poder.

Vale lembrar que o funeral de José Eduardo dos Santos ocorreu somente sete semanas após sua morte, devido a disputas insolúveis sobre a data e o local do enterro entre alguns de seus filhos e o Governo, que acabou prevalecendo.

O antigo Presidente da República, que liderou o país de 1979 a 2017 e foi proclamado pelos seus camaradas da época como o “arquiteto da paz”, teve um funeral de Estado, porém num ambiente sombrio, em Luanda, no dia 28 de agosto de 2022, data em que completaria 80 anos de idade.

Desde então, não há notícias de visitas ou peregrinações ao mausoléu construído especialmente para abrigar a urna com o corpo de José Eduardo dos Santos, localizado nas proximidades do Memorial Dr. António Agostinho Neto, erguido em homenagem ao primeiro Presidente da República de Angola.

O silêncio sepulcral da velha guarda e da nova geração de quadros e dirigentes do MPLA (salvo raras exceções) é apenas prova irrefutável de que José Eduardo dos Santos foi completamente eclipsado pelo regime que ele próprio estabeleceu. Um regime fundamentado no cinismo, intriga, bajulação, exclusão e acumulação primitiva de capital para a manutenção do poder pelo poder.

Se não houver mudanças genuínas, e não apenas superficiais, quem será a próxima vítima?

*Jornalista

Siga-nos
Twitter
Visit Us
Follow Me
LINKEDIN
INSTAGRAM

Compartilhar:

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
error: Conteúdo protegido